Alexandre Tabor, CTO do Peixe Urbano, palestrou no evento Front In BH 2012 sobre o uso da Amazon EC2, cloud e truques de CDN no Peixe Urbano.

“Palestra do Alexandre Tabor no Front In BH 2012”

Minhas anotações

Meus comentários

Foram muitas histórias sobre o Peixe Urbano, como abriram a empresa, como ela cresceu e seus desafios. Já tinha ouvido alguns no QCon SP 2011 mas ouvi novas histórias agora. O Peixe Urbano é um excelente case da Amazon AWS e seus gráficos mostram como a elasticidade do cloud é fundamental pro modelo de negócios deles. Não sou muito fã de IaaS - sou mais PaaS e SaaS -, mas é certamente bom ver casos de uso tão bacanas de cloud.

Na palestra, foi abordada ainda a questão da latência de rede, e porquê servidores fora do Brasil podem não ser uma boa ideia. Foi discutida a ideia de se usar CDNs, até que o Tabor mostrou a solução deles de um proxy local no Brasil com Squid. Achei interessante, algo simples de se fazer, e eficaz se seu problema é latência. Mas curioso que ele mesmo levantou o ponto de que eles não têm gzip nem minificação ainda; eu teria feito essas otimizações antes de me preocupar com a latência de rede.

Um ponto interessantíssimo pra mim da palestra foi quando o Tabor citou que a próxima versão do Peixe Urbano será estática, um HTMLzãon gerado pelo servidor. Eu cada vez mais tenho gostado dessa estratégia - esse blog é assim - e tenho visto que pode ser a solução pra muita gente.

Outras palestras do Front in BH 2012

Tem a minha palestra sobre otimizações web, incluindo slides, vídeo e post complementar. E as outras: